[Resenha] A Esperança - Suzanne Collins

Título: A Esperança
Autor (a) : Suzanne Collins
Ano de Publicação: 2011
Número de Páginas: 421
Preço: Entre 19,00 e 30,00

Sinopse:
"A Esperança - Depois de sobreviver duas vezes à crueldade de uma arena projetada para destruí-la, Katniss acreditava que não precisaria mais lutar. Mas as regras do jogo mudaram: com a chegada dos rebeldes do lendário Distrito 13, enfim é possível organizar uma resistência. Começou a revolução.

A coragem de Katniss nos jogos fez nascer a esperança em um país disposto a fazer de tudo para se livrar da opressão. E agora, contra a própria vontade, ela precisa assumir seu lugar como símbolo da causa rebelde. Ela precisa virar o Tordo.
O sucesso da revolução dependerá de Katniss aceitar ou não essa responsabilidade. Será que vale a pena colocar sua família em risco novamente? Será que as vidas de Peeta e Gale serão os tributos exigidos nessa nova guerra? "


Fonte: Skoob

Crítica e Resumo:

A Esperança é aquele livro que você já começa lendo roendo as unhas. Ainda mais se você o lê como eu, logo depois de terminar Em Chamas. Se os outros dois livros foram dramáticos e dignos de lágrimas A Esperança faz isso com uma habilidade maior ainda. Collins atinge o ápice da escrita ao terminar a Trilogia com esse volume. 

Agora Katniss não mais está na Arena. Ela está no Distrito 13. Até então, esse Distrito fora dado como destruído, mas o que Katniss encontra lá está muito longe de se parecer com destruição. Ao lado dela que agora é o O Tordo - símbolo da Esperança de uma vida que não é subordinada à Capital - Katniss e o povo do Distrito 13 estão preparando um motim. Não fosse um pequeno detalhe - Peeta é capturado pela Capital - a atenção de Katniss  poderia ser devotada a essa missão. Mas ela teme pela vida de seu amado e também pela vida de Gale e sua família, ainda há pouco, no agora destruído Distrito 12.

" Se nós queimarmos vocês queimam junto. "

A luta de Katniss nesse momento é mais feroz, é cruel, é dolorosa. Ela tem muita coisa a perder e não se pode dar ao luxo de cair. Com Finnick, Haymitch e seus antigos parceiros na arena quando jogou pela segunda vez A Garota Em Chamas encontra formas de chamar a atenção da Capital. Acontece que a atenção que ela pede é simplesmente para mostrar que eles estão prontos para a luta. De Distrito em Distrito O Tordo mostra ao povo de Panem que há esperança e que juntos eles podem derrubar a Capital! 

4 comentários:

  1. A Katniss é tão GIRL POWER que me dá orgulho!
    E o que dizer do final de a Esperança hein?!
    Achei esse livro sensacional, e bem choroso ♥ Não vejo a hora de ver o filme hahah
    Adorei a resenha!

    Um beijo♥
    http://www.surewehaveablog.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha néee. Ela é tão cheia de vontade e sei lá, garra. Eu teria morrido no primeiro jogo depois de tropeçar no meu próprio pé. E realmente, o final foi INCRÍVEL. Louca pela parte dois! Vou seguir seu blog! Beijos e obrigada pela visita!!

      Excluir
  2. Sério, adorei o livro! É irônico terem optado por adaptar o título para "A Esperança", pois não há nada mais desesperançoso que esse livro, é muito doloroso. Representou bem o estado depressivo e perdido que uma guerra causa nas pessoas. Acho que a parte mais real - e que eu mais gostei - foi no final, quando os vencedores se reúnem e decidem se vão fazer um último Jogos Vorazes, e Katniss aceita. Ela havia sofrido demais, não havia razões para fingir falsos moralismos. Me fez pensar bastante!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é. Mas acho que a escolha de Esperança foi mais pela Katniss e o que ela representa e não tudo o que acontece, porque, realmente, muito triste tudo o que acontece. Acho que choro na Parte II haha
      Obrigada pela visita, Alana! Beijão

      Excluir